• Equipe Lettre

Como organizamos nossas antologias?


Olá, família Lettre!


Aproveitando que temos editais antológicos abertos (se você ainda não viu, clique aqui e confira), gostaríamos de contar um pouco melhor como se dá a organização de uma antologia na Editora Lettre.


Muitas vezes, como alguém que olha de fora, esquecemos — ou mesmo não sabemos — que projetos como uma antologia não nascem da noite para o dia e, claro, por aqui não é diferente.


A primeira coisa, sem dúvidas, é o surgimento da ideia. Ela pode partir de um membro da equipe, ou até de um autor de fora. Isso mesmo: se você é escritor e sempre sonhou em organizar uma antologia, podemos conversar sobre isso e ver se é possível torná-la real!


Depois de plantada a sementinha, começamos a pensar em como colocar esta ideia no papel, quais serão os pontos principais do edital e, claro, as datas e os custos. Também é preciso pensar em um título e na sinopse, que serão essenciais para a divulgação da antologia.


Somente quando esses detalhes estão acordados internamente é que vocês, autores, passam a saber da existência de uma nova antologia na área. Esta, portanto, é a fase de divulgação e abertura do edital em questão. E, a partir disso, as etapas são:


  • Inscrições

Geralmente — isto é, não apenas aqui na Lettre — as inscrições acontecem através de algum email, sempre especificado no edital. As regras de como deve ser feito o envio e de formatação do arquivo também são especificadas ali.


É importante lembrar que o edital é o documento básico de uma antologia. É essencial que você leia ele com atenção e siga as indicações ali colocadas. Se tiver alguma dúvida, entre em contato conosco através de nossas redes sociais ou por email.


  • Seleção

Encerradas as inscrições, damos início a um dos momentos que mais causa ansiedade nos autores… E é por isso que buscamos ser rápidas nesta hora, mas sem deixar de fazer aquilo que consideramos de extrema importância: enviar um email a cada autor, selecionado ou não, informando o motivo de nossa escolha. Sim, enviamos um feedback (curto, claro), explicando o que nos chamou atenção na história ou o que faltou para que o texto fosse selecionado.


Isto significa que, se você se inscreveu para uma de nossas antologias e nunca recebeu retorno algum (nem mesmo um email de "recebemos o seu conto e ele será avaliado, ao final das inscrições te daremos um feedback"), muito provavelmente houve alguma falha na comunicação!


  • Burocracias

Depois que enviamos os emails, precisamos aguardar o retorno dos autores selecionados para dar continuidade aos processos editoriais. A principal medida a ser tomada aqui, claro, é a assinatura do contrato, para que ambas as partes sintam-se confortáveis em prosseguir juntas. É também neste momento que enviamos a agenda da antologia, na qual especificamos as datas de cada uma das etapas seguintes.


  • Revisão

A primeira etapa dos processos editoriais é a revisão. Tanto as antologias quanto os livros solos recebem o mesmo tratamento nesta etapa. Isso significa que cada texto passa por duas revisoras diferentes e qualificadas para tal função.


  • Diagramação

Depois que os textos são revisados, a antologia passa para a diagramação, ou seja, é feito todo o trabalho gráfico do livro. Quando chegamos nesta fase, a capa final também já está pronta. A antologia passa a ganhar forma, aproximando-se cada vez mais do produto final.


  • Ajustes finais

Havendo tempo, depois da diagramação, enviamos o arquivo aos autores, para que eles confiram se estão de acordo com a forma como montamos a antologia, se está tudo certo com o nome de cada um e também para que verifiquem se concordam com as correções feitas no texto. Depois de tudo isso, fazemos, enfim, os ajustes finais, que é uma nova leitura do texto — feita por uma terceira revisora — averiguando possíveis erros que tenham ficado ainda, não apenas de gramática/ortografia, mas também de diagramação.


Depois disso tudo chegamos, enfim, à publicação! E este é, sem dúvidas, um momento de muita alegria para todos.


Pode parecer que são muitas etapas e que, portanto, a produção de uma antologia leva muito tempo. Se levarmos em conta desde o momento que a ideia surge, sim, pode ser bastante tempo, até porque temos de conciliar a antologia com a agenda geral da Editora. Mas quando pegamos somente a parte dos processos editorias, eles não demoram nem dois meses (aqui na Lettre, claro, isso pode variar de Editora para Editora).


Isto significa que depois que você, autor, assinar seu contrato conosco, muito provavelmente você terá seu conto publicado e em mãos em, no máximo, seis meses. Lembrando, claro, que todas as datas serão passadas a você desde o início.


E quais são as funções do organizador da antologia?

Bem, na maioria das vezes, o organizador é a pessoa que propõe a antologia ou alguém da equipe que tenha afinidade com o gênero escolhido. Essa pessoa, portanto, é a responsável por selecionar os textos que estão de acordo ou não com a proposta, bem como redigir os feedbacks. Além disso, o organizador escreve a sinopse, ajuda a pensar na capa, redige o prefácio. E é também esta a pessoa que decide a sequência dos contos, mantém o contato/suporte com os autores e cuida de outros detalhes necessários.


Uma coisa que prezamos sempre é a comunicação. Por isso, sempre que possível, informamos nossos autores sobre o andamento da obra e quando as revisoras têm alguma dúvida com relação à história, as colocamos em contato com o autor, a fim de que a narrativa possa ficar clara para todos. Também gostamos de ouvir os autores e suas sugestões, para que o trabalho entregue seja de qualidade e do agrado de todos.


E você, já participou de alguma antologia? E de uma antologia da Lettre? Conte aqui a sua experiência, será um prazer te ouvir (ou ler)!

Assine nossa newsletter 

  • Facebook
  • Twitter
  • Pinterest
  • Instagram

QNM 19 Conjunto H, Lote 20
Ceilândia Sul - DF - CEP:72215-198

Telefone: (61) 9 8127-1602

(11) 9 9269-9597

E-mail SAC: lettresac@gmail.com

 

© 2020 by Editora Lettre 

CNPJ: 34.892.350/0001-21