Desafio literário — indicações de maio



O mês de maio é conhecido como mês das mães, por ser justamente neste período em que celebramos a figura materna.


Foi por isso que, para o nosso desafio literário, separamos alguns livros com protagonistas fortes, independentes e trabalhadoras. Felizmente, tem sido cada vez mais fácil encontrar obras cujas protagonistas têm essas características!


E a nossa primeira indicação para essa categoria não poderia ser outra obra que não...


Irresistível Doutor (Ingrid Sousa)


April é uma jovem cirurgiã cardíaca norte americana. Mark é cirurgião geral e noivo de April, ou melhor, ex noivo. Após ser enxotada por Mark da vida estável que levavam, dias antes do casamento com ele, April é convencida por sua irmã, Melissa, a mudar de ares, o que inclui sua vinda repentina para o Brasil. Desde criança, April foi criada para ser uma cirurgiã excepcional e não seria uma nova cultura nem um novo hospital que a deixariam insegura. Ela só não contava com a inusitada presença do "vizinho peladão". Ele conseguiria abalar todas as estruturas e certezas que April tinha na vida. Agora, totalmente encantada pelo vizinho, tudo que April mais quer é romper as barreiras e dar o próximo passo. Mas as marcas do passado de ambos reaparecem, colocando em xeque o que sentem um pelo o outro.

[pois é, não se engane com o mocinho na capa, April é a protagonista mais forte e trabalhadora que conhecemos!].


Para além desse nosso querido, também indicamos a leitura de:


Allegro em Hip-Hop (Babi Dewet)


No segundo livro da série Cidade da Música, você vai conhecer Camila. Ela é neta de japoneses e filha de pais muito rigorosos que têm grandes planos para ela e para sua irmã. Desde pequena, aprendeu que precisava se esforçar mais, que precisava ser melhor, que não existia tempo a perder na adolescência e que sua inteligência e seu talento deveriam levá-la longe. Camila, então, trocou as festas das amigas por treinos de balé, e a vontade de viajar o mundo afora pela consagrada Academia Margereth Vilela. Sua vida inteira estava programada e organizada. Até que uma crise de ansiedade a fez perceber que tudo ainda podia mudar e, depois de conhecer Vitor, um garoto desengonçado e cheio de sardas que tocava violino, a vida mostrou à Camila que uma dose de hip-hop poderia fazer os dias dela mais felizes.


Quando Saturno Voltar (Laura Conrado)


Em seu novo romance, Laura Conrado conta a história de Déborah Zolini, uma jornalista sonhadora e fã de Pablo Neruda que trabalha como assessora de imprensa de um clube de futebol da segunda divisão e namora o médico Sérgio há quatro anos. Ela faz planos de construir uma vida a dois, arrumar um emprego melhor e correr atrás de desejos que ainda não realizou. Só que a vida, ou as estrelas, guardam surpresas para Déborah. Em uma viagem ao Chile, ela encontra uma mulher misteriosa que lhe fala sobre o retorno de Saturno. O planeta, que leva, em média, 29 anos para dar uma volta no sistema solar, voltará à posição em que se encontrava quando a jornalista nasceu. Para quem acredita em astrologia, esse é momento em que as pessoas passam por várias mudanças, que vão prepará-las para encarar o resto de sua vida. Déborah não leva a moça muito a sério, mas pede às estrelas que a ajudem a realizar seus desejos. No entanto, no voo de volta ao Brasil, um encontro inesperado começa a abalar a vida aparentemente certinha da protagonista. Aos poucos, Déborah começa a notar que seu namoro anda meio morno, a falta de reconhecimento no trabalho a incomoda. Ela começa a admitir que não está gostando do rumo que as coisas estão tomando. Será a hora de partir para novos desafios? Trocar aquele relacionamento confortável pelo frio na barriga? Sair de vez da zona de conforto e ver o que acontece? Com uma prosa leve e bem humorada, Laura Conrado criou um romance cativante sobre perseguir os próprios sonhos e a coragem necessária para ser feliz. Leitores que ainda não chegaram ou já passaram pelo retorno de Saturno vão se emocionar com essa história.


O Irlandês (Tayana Alvez)


Tendo investido todas as economias em seu intercâmbio na Irlanda, Júlia se vê presa a uma rotina maçante e sua diversão se resume a dias em casa com os amigos e a um dos Karaokês da cidade. e é depois de uma noite atípica no Karaokê que Julia se vê diante de uma oportunidade boa demais pra ser verdade... Robert tinha a vida perfeita! Até que em uma típica tarde, uma despedida inesperada vira sua vida de cabeça para baixo. Precisando enfrentar a dor, o vazio e o abandono, Robert terá de lembrar a si mesmo de que independente de qualquer coisa, todas as pessoas a sua volta merecem apenas sua gentiliza.

Um encontro inesperado, uma proposta irrecusável e a vida dos dois está prestes a mudar completamente.


Poeira Estrelar (Gabriela Araujo)


Na infância, Marta começou a viajar de carona nas estrelas. Assim, enxergava o mundo sob uma perspectiva única e sentia que dentro de si as possibilidades eram infinitas. Com o tempo, a finitude da realidade se esgueirou por entre as frestas de seus aniversários e ela se esqueceu como sonhar alto. Mas nunca é tarde demais para redescobrir a poeira estelar.


E aí, o que achou das indicações? Já leu alguma dessas obras ou está indo agora mesmo conhecê-las?


E não deixe de conferir (caso ainda não tenha visto, claro), nossas postagens anteriores do Desafio Literário Lettre!




10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo