• Equipe Lettre

Entrevista com o autor: Maicon Moura


E aí, família Lettre!


Nós batemos um papo com o autor do mais novo lançamento da casa e agora você pode conhecer um pouco mais sobre o Maicon Moura e sua obra "Não quero patos elétricos".


Bora lá?


1. Conta pra gente: qual é a sensação de lançar o seu primeiro livro solo?

Incrível, não tenho palavras para descrever essa sensação, uma mistura de "o quê?" com uma pitada de "minha nossa senhora".

2. Como “Não quero patos elétricos” nasceu?

Ele era um conto que escrevi enquanto testava uma ideia. Transformar em romance veio quando uma editora abriu para envio de originais para publicação gratuita, ai agarrei a missão de escrever um romance em vinte dias.

3. Seu livro tem uma capa e um título super diferentes… Quais são as suas expectativas quanto aos leitores?

Espero que eles se divirtam. NQPE é um livro para pausar um tempinho e ler, esquecer dos problemas e ficar relaxado. Minha expectativa é essa, você aí, leitor, você mesmo que está lendo essa entrevista, relaxe e divirta-se.

4. Você tem planos para novas publicações?

Muitos, mas apenas duas serão ficção cientifica. Quero experimentar um pouco do horror, do psicológico, que foi onde se deu meu início como escritor, mas podem esperar mais uma ficção engraçada, sobre um garoto que é um erro no tempo.

5. E outras obras publicadas, você tem?

Tenho alguns contos no kindle, alguns experimentos, gosto de experimentar coisas nos contos, então por lá podem ver algumas ideias malucas que tive com o tempo.

6. Desde quando você escreve e o que isso significa para você?

Assumo que sempre escrevo, desde que me conheço por gente, mas entre os anos de 2012 e 2016 eu não fiz isso. Então podemos dizer que faz 4 anos que estou batalhando para aprender a escrever. Amo escrever, é algo que eu quero fazer para sempre, tenho histórias que quero contar.

7. Como escritor, qual é o seu maior desejo ou sonho?

Continuar escrevendo, não tenho uma visão de ganhar prêmios ou ser super reconhecido, apenas quero contar histórias e espero ter pessoas para ouvi-las.

8. Seja para escrever, seja para ler, você tem gêneros preferidos? Quais?

Gosto muito de ficção cientifica focada no ser humano, mas atualmente tenho experimentado tanta coisa nova que essa pergunta vou deixar meio que sem respostas, não é o momento certo para eu decidir algo como preferido.

9. Como você chegou à Editora Lettre?

Foi por conta da badalada antologia de Serial Killer. Vi o edital aberto, aproveitei para mandar um conto e já mandar meu original.

10. O que achou do trabalho da Editora com o seu livro? Você teve liberdade para dar a sua opinião?

Maravilhoso, a Editora foi atenciosa e eu sou uma pessoa bem chata com as coisas haha. Vocês sofreram um pouquinho comigo, mudança de capa de última hora, tamanho especifico para o livro, eu fui bem especifico com tanta coisa e vocês foram super resilientes que é impossível não amar.


(essa última parte deve ser brincadeira dele, gente, foi um prazer trabalhar com o Maicon escritor e é um prazer ter o Maicon em nossa equipe também!).


E você, querido leitor, o que gostaria de perguntar para o Maicon? Deixe a sua dúvida aqui nos comentários!

Assine nossa newsletter 

  • Facebook
  • Twitter
  • Pinterest
  • Instagram

QNM 19 Conjunto H, Lote 20
Ceilândia Sul - DF - CEP:72215-198

Telefone: (61) 9 8127-1602

(11) 9 9269-9597

E-mail SAC: editoralettre@gmail.com

 

© 2020 by Editora Lettre 

CNPJ: 34.892.350/0001-21