• Equipe Lettre

Às vezes só precisamos conversar


Família Lettre, hoje gostaríamos de conversar com você que tem um bookstagram, um booktwitter, que é um booktuber… Enfim, você que fala sobre livros e universo literário em redes sociais.


As tecnologias certamente trazem muitos benefícios para todos nós. Mas elas também têm o seu lado negativo: com praticamente tudo a um toque de distância, o mundo torna-se cada vez mais um lugar acelerado, intenso e… competitivo.


Nas últimas semanas (e até mesmo antes disso) notamos que muitos de vocês têm se sentido desanimados com os resultados de suas páginas ou então têm se cobrado muito com relação ao que produzem.


Sentimos, portanto, a necessidade de vir bater esse papo. Em primeiro lugar, gostaríamos de lembrar que vocês não estão sozinhos! Esse sentimento de autocrítica e de cobrar demais de si muito provavelmente é compartilhado por diversos outros produtores de conteúdo e, às vezes, uma simples conversa sobre o tema pode trazer grande alívio para suas angústias.


E olha só que bacana: uma forma de conversar sobre isso é justamente dedicando um post para esse tema em seu perfil. Você gera o famoso conteúdo — que estamos sempre tão preocupados em produzir — e ainda tem a oportunidade de descobrir quantos de seus seguidores estão no mesmo barco que você.


Outra coisa que gostaríamos de dizer é que, nessas horas, é muito importante que vocês parem e reflitam: o que tem causado esse peso, essa cansaço, esse desânimo? É a falta de interação, de engajamento? Mas vocês produzem conteúdo pensando apenas nisso ou pelo prazer de compartilhar uma paixão?


Sim, interação e engajamento são capazes de nos trazer alegrias, afinal, se fosse para ficar falando sozinho, conversaríamos apenas com nossas mentes e deixaríamos de lado todo o trabalho envolvido com a produção de um post, seja ele no formato que for.


Imaginamos, porém, que muitos de vocês, quando começaram tudo isso, não pensavam exatamente em quem veria aquilo ou, mais ainda, quantos veriam. Ainda assim, vocês deram o primeiro passo. E provavelmente o fizeram porque, mesmo não ligando para isso, vocês sentiram a necessidade de compartilhar algo. E é essa necessidade que deveria ser reacendida em vocês, esse desejo de dividir uma paixão!


Antes de mais nada, temos certeza que para todos os bookstagrans, booktubers e booktwitters, ler é (ou era) um prazer. Muitos, porém, agora estão caindo na obrigação: “eu preciso ler tantos livros por ano”, “eu preciso ler isso logo para ter conteúdo”, “eu preciso fechar parcerias” e assim vai.


Calma! Respira! Vocês não precisam de nada disso!


O que vocês precisam é resgatar o prazer da leitura. Até mesmo a ressaca literária precisa ser vivida! Então respeitem seu tempo, respeitem seus desejos. Aprendam a dizer não para algumas parcerias e dediquem-se às leituras que vocês efetivamente querem ler.


Fechou uma parceria e depois percebeu que não vai dar conta e está se sentindo um grande fracasso? Respira, converse. Entre em contato com o autor ou com a editora, explique sua situação. Se a pessoa não compreender o seu lado, é muito provável que aquela não seja uma parceria saudável e está mais do que na hora de cair fora da mesma.


Como vocês sabem, a Lettre acabou de completar um ano de vida. Tivemos erros e acertos nesse período e um dos tópicos que sempre discutimos na equipe é a questão das parcerias. O que podemos fazer para que isto seja algo leve, prazeroso, mas que, ao mesmo tempo, motive nossos parceiros a ler e comentar nossas obras?


Sempre que possível, também conversamos com nossos parceiros sobre esses tópicos e nos colocamos à disposição para que eles conversem conosco separadamente, se assim preferirem. Mas também gostaríamos de aproveitar esse espaço e deixá-lo aberto, não só aos nossos queridos parceiros, mas também a todos os nossos leitores: como seria uma parceria ideal para você? O que pode ser feito para que não haja pressão, mas para que ambos os lados possam aproveitar os benefícios de uma verdadeira parceria?


Agradecemos a sua leitura — seja deste post, seja de nossas obras, claro — e ficamos no aguardo de suas opiniões! E uma vez mais, aproveitamos para lembrá-los de não desistir. Vocês todos, bookstagrans, booktwitters e booktubers são incríveis e produzem um conteúdo sem igual!

Assine nossa newsletter 

  • Facebook
  • Twitter
  • Pinterest
  • Instagram

QNM 19 Conjunto H, Lote 20
Ceilândia Sul - DF - CEP:72215-198

Telefone: (61) 9 8127-1602

(11) 9 9269-9597

E-mail SAC: lettresac@gmail.com

 

© 2020 by Editora Lettre 

CNPJ: 34.892.350/0001-21